Nota de repúdio à ação da PRF de Sergipe pela tortura e assassinato de Genivaldo Jesus Santos

0
26

O SINTECT-SE repudia veementemente a ação covarde e  brutal dos agentes da Polícia Rodoviária Federal que assassinou Genivaldo de Jesus em uma abordagem no dia 25/05 na cidade sergipana de Umbaúba.

Como uma instituição da sociedade civil organizada e legítima representante da luta da classe trabalhadora, exigimos a correta e urgente apuração dos fatos, com a devida punição aos agentes envolvidos. 

Num momento em que lutamos contra um presidente da república que ataca servidores e estimula a violência policial, devemos nos erguer contra a barbárie para evitar a normalização do genocídio da população pobre nas periferias do Brasil, sob o risco de que mais vidas sejam ceifadas de forma desumana. 

O SINTECT/SE não se calará contra toda forma de tortura e violência institucional estimulada por Bolsonaro e seus apoiadores. Seguiremos firmes na defesa da democracia e pelo respeito à vida de todas e todos!

Não existe pena de morte no Brasil! Chega de racismo! Chega de violência contra negros, mulheres, LGBTQIA+ e todos os trabalhadores (as)! 

JUSTIÇA POR GENIVALDO!